DEPOIMENTOS

Desde a infância

Venho de uma famìlia simples, mal estruturada, pai que agredia mãe, mãe que sempre nos sustentou e por isso trabalhava muito, meu pai agredia muito a minha mãe e por isso quando eu tinha uns 9anos ela se separou, conheceu um rapaz que viria a se casar com ela, uns 6meses depois, eu ainda com nove anos e eles ja morando juntos, eu me lembro de acordar no meio da noite com a minha mãe gritando com ele, a princípio não entendi, mas logo percebi que era por minha causa, minha mãe acordou no meio da madrugada e o viu passando a mão em mim, ele chorou e pediu perdão, minha mãe apaixonada pediu que eu perdoasse e o perdoou, eu me lembro que aquela foi a última vez que minha mãe foi como eu lembrava(pelo menos comigo), me lembro de me sentir muito culpada e chorar muito na escola no dia seguinte, e foi ali que a minha saga de silêncio começou... Minha infância foi marcada por culpa, e medo, abando e agressões Físicas e piscicológicas, minha mãe mesmo em silêncio sempre me culpou, por achar que eu quis quando na verdde eu era obrigada aquilo, eu chorava sempre e foi quando comecei a beber com 12anos, eu lembro de cenas como se aquilo tivesse sido um pesadelo, detalhes que mesmo em animato são difíceis de dizer, me lembro das vezes em que acordei com ele em cima de mim ou me tocando, era triste, sempre me senti suja por isso com vergonha, triste, em real desespero, nunca mantive relacionamentos pois nunca me senti segura pra isso, qualquer olhar diferente, ou alguém que se aproxime, me dá extremo pavor, eu tenho medo do escuro, e sou uma pessoa completmente confusa e insegura, essa situação durou até os meus 15 anos eu fui frequentemente abusada pelo meu padrasto por 6anos, e quando penso nisso a vontade de viver some e só me resta raiva e desespero, cheguei a contar pra minha mãe mas ela não acreditou em mim, tentei acabar com a minha dor mas acho que não era minha hora de partir, com 16anos conheci uma pessoa maravilhosa, que me apoiou e que mesmo depois de saber de tudo ficou ao meu lado, tive dois filhos com ele, e hoje com 24 ainda sofro com a violência, fico mal, tenho pesadelos, e muitos dias os únicos motivos que tenho pra me levantar são os meus filhos e marido, eu perdoei minha mãe, mas o fato de viver como se nada tivesse acontecido, me deixa muito mal, como se eu tivesse que esconder a minha culpa... Mas que culpa eu tive? O que poderia eu fazer? Esse foi só um resumo de seis anos de asco, horror, e medo, mas pela primeira vez eu tive a coragem de partilhar com alguém, a vocês que sofreram qualquer tipo de violência, peçam ajuda, pois ninguém merece viver com esse fardo, muita luz, melhoras pra todas nós...

OUTROS DEPOIMENTOS


Me bater

Ontem fui agredida Na madrugada Agora a pouco também... Não sei mas o q faço me ba... Leia mais


Desde que terminei um namoro há praticamente 8 meses ele não me deixa "em paz". Ele ... Leia mais


Medo

Sabe quando você tem um medo enorme e ele meio que se concretiza? Quando você desaba... Leia mais


PERGUNTAS RECENTES


Be sure - Do not panic! In most situations, deleted files can reanimate - even if you have cleared... Leia Mais
Estou grávida. Já tenho uma filha. Quero me separar do meu marido pq ele vive em bar, chega qdo ... Leia Mais
Estou grávida. Já tenho uma filha. Quero me separar do meu marido pq ele vive em bar, chega qdo ... Leia Mais
Estou grávida. Já tenho uma filha. Quero me separar do meu marido pq ele vive em bar, chega qdo ... Leia Mais
Meu marido me deu tres tapas na cara e n foi a primeira vez. to gravida e nao tenho pra onde ir, m... Leia Mais